Midias Sociais

Navegue em nossas redes sociais

Email Marketing

Cadastre aqui seu email para receber nossas promoções direto no seu email.

Projetos 3D

Confira sua casa em 3D antes de construir. Confira alguns projetos exclusivo que à Florestamc propõe à você.

Projetos 3D

Confira: Artigos e Notícias

Cinco dicas para evitar umidade e mofo.


Com as baixas temperaturas invernais, deixar as janelas fechadas e ficar muito tempo embaixo do chuveiro durante os banhos são atitudes tentadoras. Embora convidativas, elas podem causar grandes probl

Cadastrado dia: 23/08/2016

1. Abra as janelas e evite umidade, bolhas e mofo!

“Mofo e bolhas nas paredes são causados por umidade, que, por sua vez, é intensificada quando o ambiente é pouco ventilado”, explica a engenheira Maria Amélia Silveira. Logo, a dica número um para evitar a umidade e cortar o mal pela raiz é deixar a casa mais aberta e, logo, aumentar a ventilação dos espaços. “Permita, sobretudo, a circulação de ar na cozinha e no banheiro, que são os dois cômodos mais úmidos e onde mais são encontrados mofos e bolhas”, sugere.

 

2. Combata bolhas

“Se uma parede está úmida, qualquer aumento de temperatura pode facilitar a formação de vapor d’água. Em uma parede pintada com uma tinta impermeável ou pouco diluída, esse valor fica preso e, ao se expandir, provoca o surgimento de bolhas”, explica Maria Amélia Silveira, do Instituto Brasileiro de Impermeabilização. Para evitar bolhas, uma dica é preferir tintas permeáveis e diluí-la bem, isso vai permitir que o vapor d’água não fique “preso” e provoque bolhas ao se expandir. No caso de paredes já pintadas, essa dica pode ser colocada em prática após descascar (com uma espátula, por exemplo) a parede com bolhas.

 

3. Sem mofo

O mofo também pode se propagar devido à umidade. Uma dica para evitá-lo, segundo a engenheira consultada, é esfregar as paredes com uma escova de cerdas mais resistentes para retirar o bolor. Em seguida, deve-se passar água sanitária, deixar por alguns minutos e lavar a parede. Depois, deve ser passado um impermeabilizante e uma tinta (lembrando que, na hora da pintura, tintas permeáveis são as mais indicadas, segundo Maria Amélia).

 

4. Móveis cheirosos, sem mofo e longe de umidade

Não são apenas as paredes as vítimas do mofo. Problemas com infiltração ou umidade também são frequentes em móveis. De acordo com a engenheira Maria Amélia, há dois cenários quando essa é a pauta. No caso de móveis embutidos, a melhor maneira de combater a umidade é ficar atento à parede em que ele está acoplado. “Se há um guarda-roupa embutido em uma parede de um quarto que dá para um banheiro, por exemplo, a umidade provocada pelo vapor d’água produzido no banheiro pode fazer com que o lado da parede do quarto seja prejudicado e estrague o móvel. Nesse caso, a indicação é impermeabilizar um dos dois lados da parede (o do quarto ou o do banheiro). Não há a necessidade de repetir o processo nos dois lados”, sugere a engenheira Maria Amélia Silveira. No caso de não-embutidos, a dica é deixar o móvel a uma distância de 5 cm da parede.

 

5. Faça você mesmo um saquinho anti-mofo

Para finalizar, sugerimos uma dica simples já publicada no casa.com.br: como fazer um saquinho anti-mofo com giz de lousa. A dica é da artista plástica Flavia Terzi. Ele pode ser colocado no seu guarda-roupa e evitar que suas roupas e objetos mofem. Mas, atenção às dicas anteriores: não adianta fazer esse saquinho anti-mofo e deixar seu móvel encostado em uma parede úmida.

 

Fonte: http://casa.abril.com.br/

 

 

 

 

 

Autor: Jair Mateus.

Equipe de trabalho Entrega Rápida

2012 - Todos os direitos reservados à Floresta MC ®.
“Fazendo o melhor para você”.
Tel.: (67) 3431-8499 | (67) 9923-2640
CEP: 79.904-704
Endereço: Av. Brasil, nº 1.091 - Centro
Email: contato@florestamc.com.br

Ato
Logo Floresta Rodape
LiveZilla Live Help